4 de mai de 2014

Diabetes em cães


Vários fatores contribuem para desenvolvimento de diabetes em cães. Podendo ser por um fator genético (o cão nasce com a propensão à doença e a má alimentação ajuda no aparecimento do diabetes) ou então imunomediados(significa que o sistema imunológico do cão trabalha contra o pâncreas à medida que este tenta produzir insulina.)
Qualquer raça ou cães de qualquer idade pode desenvolver a diabetes,porém estão em uma escala de risco maior os cães com idade entre 7 e 9 anos e também as fêmeas.
Algumas raças também podem ser mais propensas, sobretudo os Samoyeds, terriers australianos, schnauzers miniatura, pugs, poodles miniatura e poodles toy. Cães que tiveram diversos episódios de pancreatite também podem ser mais propensos a desenvolver diabetes melitus.

Sintomas e sinais

-Aumento de  sede e urina.
-Apetite geralmente maior que o normal.
-Muitas vezes há a perda de peso, no entanto,alguns cães podem tornar-se obesos.
-Em alguns casos, a cegueira devido a catarata pode ser a primeira indicação ao dono que existe um problema. A catarata se manifesta com olhos opacos ou perda da visão.
-Canseira


Diagnóstico

O diabetes em cães é diagnosticado com base nos sinais clínicos,pela presença de glicose na urina, e de testes de sangue que demonstram a glicose persistentemente alta. Pelo fato de existirem complicações, muitas vezes devido outras doenças presentes, geralmente os seguintes exames são recomendados: hemograma completo, exame bioquímico e exame de urina.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente!Seu comentário é muito importante para nós!
Comentários sobre,críticas,e pedidos são feitos na página de Contato,ou então,nos mande um e-mail: guiaanimal-contato@hotmail.com
Obrigada!

 

Criação gráfica
e sistema por:
Malu Favero
| Proibida a cópia
| Bem Vindos